Atletas da cidade confirmam presença em desafio de 65km de corrida

esporte Bia Rodrigues - Assessoria Afercan em 13 de março, 2017 16h03m
Facebook Twitter Whatsapp

Fim de prova equipe Superação, aguardando as permeaçõesFoto: Bia Rodrigues

A corrida é essencialmente, um esporte individual, mas neste domingo (12) a cidade de Jales, recebeu uma prova de revezamento, que reuniu mais de 67 atletas que percorrerão a pé, 65 quilômetros no 1º “Desafio Grandes Lagos” de Jales a Santa Clara d'Oeste.

A prova foi organizada pela Team “Trinaveia” (TNV), e contou com o apoio da Prefeitura de Jales, por meio da SMECT (Secretaria Municipal de Esportes, Cultura e Turismo).

Foi o clima de união e espirito coletivo, o ponto forte da corrida, que contou com uma prova de extrema dificuldade, com temperaturas elevadíssimas, estrada de terra, muitas subidas, onde a resistência dos participantes ditou a regra do desafio.

Publicidade

A premiação foi de troféus e medalhas para as categorias masculina e feminina solo (1º ao 5º lugar), categorias dupla, trio, quarteto e quinteto (masculino, feminino e misto) a quem encararam o desafio solo, e correu os 65 km sozinhos, foram os rio-pretenses, Nilda Claudino Oliveira de 58 anos, que fez a prova em 7h43min e Matoso Reishtatter de 46 anos, com tempo de 9h04min.

Contando com uma grande logística, desde sinalizações, segurança, suporte policial em vias públicas e hidratação, a largada se deu as 6h24, na Avenida João Amadeu em Jales e contou com a participação de mais de 130 envolvidos, entre atletas, familiares e pessoas que fizeram o apoio durante todo o percurso. Deste, 23 eram desportistas representante da cidade de Fernandópolis com a "Equipe Superação".

Mair Grama, um dos criadores e organizadores deste projeto, contou que desde o início a intenção era fugir das tradicionais provas curtas e urbanas que acontecem na região, foi aí que surgiu a ideia da disputa. "O meu grande desafio, foi fazer com que todos chegassem lá bem, sem qual quer problema no percurso, que viesse atrapalhar seu desempenho. Foi muito bom ver a interação entre as assessorias concorrentes, que se ajudavam, dando água para atletas de outras equipes, motivando e colaborando na sinalização” contou Mair que confirmou para o ano que vem, um “bis” do evento.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários


Notícias relacionadas