Vizinho estoura grade de janela para resgatar bebê de casa pegando fogo

Geral Da Redação em 18 de novembro, 2020 09h11m
Facebook Twitter Whatsapp

Caso foi registrado na tarde desta terça-feira (17), no bairro Jardim do Trevo, em Araçatuba (SP). Criança foi levada à Santa Casa, onde ficou internada com 70% do corpo queimado, e transferida a hospital especializado em queimados.

A bebê de 7 meses que teve 70% do corpo queimado durante um incêndio em uma casa foi resgatada por um vizinho da família. O caso foi registrado na tarde desta terça-feira (17), no bairro Jardim do Trevo, em Araçatuba (SP).

De acordo com o vizinho Felício Alves, foi necessário abrir a janela e quebrar uma grade para que fosse possível retirar a criança do quarto. A família tinha mudado para casa há três meses.

“Estava sentado na frente da minha casa. A vizinha saiu correndo. Levantei, corri e vi o sofá pegando fogo na sala. Fiquei desesperado quando vi o incêndio e escutei a criança chorando no berço. Abri a janela e vi que tinha grade”, conta.

Depois de conseguir estourar a grade, Felício entrou no quarto pela janela, pegou a menina no colo e entregou para a mãe, que aguardava no lado de fora do cômodo.

“Não conseguia ver muita coisa. Só escutei a criança chorando. Estava uma fumaça muito escura. Precisei jogar um pouco de água para ver se esfriava. Queimei o ombro, as costas e as mãos na janela, que estava quente”, afirma.

Além da bebê de 7 meses, estavam na casa a mãe e outra criança de 3 anos. O menino também ficou ferido, mas com menos gravidade. Ele foi encaminhado ao pronto-socorro de Araçatuba, medicado e liberado.

Publicidade

De acordo com Willian Inamoto, pai das duas crianças e marido da mulher que também estava na casa, ele ficou sabendo do incêndio enquanto estava trabalhando.

“Pediram para eu ficar calmo, mas eu fiquei desesperado e sai correndo, pensando na minha filha. O que perdemos não me importa. O que me importa é a vida da minha filha. O resto a gente corre atrás. Vamos recomeçar”, conta.

Além da bebê de 7 meses, estavam na casa a mãe e outra criança de 3 anos. O menino também ficou ferido, mas com menos gravidade. Ele foi encaminhado ao pronto-socorro de Araçatuba, medicado e liberado.

De acordo com Willian Inamoto, pai das duas crianças e marido da mulher que também estava na casa, ele ficou sabendo do incêndio enquanto estava trabalhando.

“Pediram para eu ficar calmo, mas eu fiquei desesperado e sai correndo, pensando na minha filha. O que perdemos não me importa. O que me importa é a vida da minha filha. O resto a gente corre atrás. Vamos recomeçar”, conta.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários