Briga por causa de geladeira tem adolescente e PM agredidos

Um rio-pretense, de 35 anos, foi preso por agredir um adolescente, de 14 anos, e um policial militar.

Geral Da Redação em 17 de dezembro, 2021 12h12m

Um rio-pretense, de 35 anos, foi preso por agredir um adolescente, de 14 anos, e um policial militar. O caso ocorreu às 9h da quinta-feira (16), quando um homem, de 40 anos, e outro de 42 anos iniciaram uma discussão no Jardim Maria Lúcia, por causa de uma geladeira retirada de um imóvel sem permissão.

A PM foi acionada para atender a ocorrência e no endereço encontrou diversas pessoas exaltadas que ao notarem a viatura foram embora, ficando apenas os dois homens mais velhos e um menor.

Os policiais descobriram que o homem de 42 anos e seu filho adolescente haviam sido contratados para limpar o terreno do homem de 40 anos, sendo que ao terminarem o trabalho perguntaram se poderiam levar uma geladeira que estava no local e que não funcionava.

O contratante aceitou o acordo, mas percebeu que o menor ao invés de levar o eletrodoméstico quebrado pegou a geladeira que funcionava. O dono do terreno procurou o pai do menor e teve início a discussão.

Um vizinho vendo o desentendimento chutou o joelho esquerdo do garoto. O pai do adolescente pegou uma pá para bater no morador.

Em seguida, a guarnição foi até a casa do vizinho, que agrediu um pm e danificou a algema. No Plantão, o agressor teve fiança arbitrada em R$ 2 mil e como não pagou ficou preso. O adolescente foi levado para um hospital e mantido em observação com suspeita de fratura no joelho.

O caso foi registrado como lesão corporal dupla, dano e resistência, sendo mais tarde encaminhado para o 4º DP.

Publicidade

Comentários

Notícias relacionadas