Perto de dar à luz, grávida tem a casa incendiada pelo pai da criança

Uma mulher de 25 anos, grávida e mãe de duas crianças de 2 e 5 anos, teve a casa completamente destruída em um incêndio na noite do último sábado (17), no Jardim Rezende, em Nova Granada, na região de Rio Preto. O suspeito de atear fogo no imóvel é o convivente dela, pai das crianças. Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima mantinha um relacionamento de três anos com o homem.

Geral Da Redação em 19 de setembro, 2022 21h09m

Uma mulher de 25 anos, grávida e mãe de duas crianças de 2 e 5 anos, teve a casa completamente destruída em um incêndio na noite do último sábado (17), no Jardim Rezende, em Nova Granada, na região de Rio Preto. O suspeito de atear fogo no imóvel é o convivente dela, pai das crianças.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a vítima mantinha um relacionamento de três anos com o homem. Após beber pinga na sala da casa, o suspeito ficou embriagado, armou-se com uma faca e começou a ameaçar a mulher de morte.

Ela pediu ajuda ao irmão, que chamou a Polícia Militar. Ao perceber a chegada da PM, o suspeito se trancou no banheiro do imóvel e fez cortes nos braços. Os policiais chamaram uma ambulância do Samu, mas o homem fugiu.

Publicidade

Mais tarde ele voltou e ateou fogo no imóvel. O fogo foi contido por homens da Defesa Civil, com o apoio de um caminhão-pipa da Prefeitura.

Ao ser localizado em uma rua a 50 metros da casa, o homem confessou que acendeu as bocas do fogão e colocou várias roupas em cima do fogo.

Ele foi preso em flagrante por violência doméstica, passou por audiência de custódia nesta segunda-feira (19) e permaneceu preso.

Publicidade

Comentários