Governo de SP vai cortar verbas de santas casas e hospitais

Governo Da Redação em 07 de janeiro, 2021 09h01m
Facebook Twitter Whatsapp

Uma resolução publicada no Diário Oficial nesta quarta-feira, dia 6, mostra que o governo do Estado de São Paulo vai cortar 12% dos recursos destinados as santas casas e hospitais filantrópicos do estado de São Paulo que recebem do governo. Os recursos serão retirados de dois programas de auxílio: Pró-Santa Casa e Programa Sustentável.

A medida vai atingir 180 unidades hospitalares. O programa Pró-Santa Casa atende 117 instituições e vai deixar de receber R$ 41 milhões por ano. O Programa Sustentável, que fomenta 63 instituições, vai perder R$ 39 milhões.

A verba para custear despesas como a compra de medicamentos, insumos hospitalares, médicos, enfermeiros, recepcionistas e serviços de limpeza vai encolher R$ 81 milhões. A medida vai atingir 180 unidades hospitalares, isso incluiu unidades do noroeste paulista.

As santas casas e hospitais filantrópicos representam mais da metade, 56%, das internações do SUS em todo o estado. Sete em casa dez internações são de alta complexidade.

"Acho que agora devia cortar qualquer outra coisa, menos verba desses hospitais que estão atendendo a pandemia com leitos de UTI aqui no estado de São Paulo", disse Edson Rogatti, presidente da Federação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos do Estado de São Paulo (Fehosp).

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários


Notícias relacionadas