Após ação na Justiça, Luisa Mell apaga vídeo que acusava cantor sertanejo Zé Neto por maus-tratos a animais

Justiça g1 Rio Preto e Araçatuba em 28 de outubro, 2021 10h10m
Facebook Twitter Whatsapp

Cantor sertanejo Zé Neto, da dupla com Cristiano, faz romaria até Aparecida pelo Caminho da Fé — Foto: Reprodução/ Instagram

Sertanejo pede R$ 30.731,00 por ter sido acusado de maus-tratos a animais enquanto realizava uma romaria de Camanducaia (MG) a Aparecida (SP).

A ativista e protetora de animais Luisa Mell apagou das redes sociais o vídeo que gravou acusou o cantor sertanejo Zé Neto, da dupla com Cristiano, por maus-tratos a animais.

A postagem publicada no mês passado foi apagada depois que o cantor de São José do Rio Preto (SP) entrou com uma ação na Justiça por danos morais, no valor de R$ 30.731, por ter sido acusado do crime enquanto realizava uma romaria de Camanducaia (MG) a Aparecida (SP).

Luisa Mell criticou Zé Neto por supostamente percorrer o trajeto em cima de um único burro. O sertaneejo rebateu diretamente a protetora de animais e deixou claro que entraria com processo.

Publicidade

"E você, Luisa Mell, cuidado com o que você posta, tá? Porque tudo que você tá postando cai em um processo gigantesco contra você. Eu não maltrato animal. Eu duvido animal mais bem tratado do que os que estão fazendo a romaria. Inclusive, nessa romaria, não vou te desejar mal, vou rezar por você, porque você é uma pessoa que precisa de ajuda. Apoio muito as coisas que você faz, mas, antes de você postar, presta atenção", disse na época.


 

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários