Polícia Civil de SP faz operação contra tráfico e exploração sexual de crianças

Polícia Da Redação em 25 de novembro, 2020 08h11m
Facebook Twitter Whatsapp

Investigação começou em 2018 a partir de homem suspeito de tentar vender a sobrinha para criminosos na Rússia. São cumpridos dois mandados de prisão e 220 de busca e apreensão em São Paulo, no Rio, em Minas Gerais e no Rio Grande do Sul.

A Polícia Civil de São Paulo realiza nesta quarta-feira (25) uma operação contra o tráfico e exploração sexual de crianças.

São cumpridos dois mandados de prisão, um em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, e outro em uma cidade do Rio Grande do Sul, além de 220 mandados de busca e apreensão nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul.

Segundo a polícia, a ação, denominada "Black Dolphin", começou em 2018, quando os policiais descobriram um homem que pretendia vender a sobrinha para criminosos na Rússia.

Publicidade

Ainda de acordo com as investigações, o plano dele era levar a criança para a Disney da Europa e entregá-la aos criminosos na Rússia, alegando que ela teria desaparecido no parque.

A partir desse suspeito, os policiais começaram a monitorar a deep web, e descobriram uma rede de predadores sexuais, principalmente infanto-juvenis, que produzem, vendem e compram vídeos de crianças em situações de vulnerabilidade sexual.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários


Notícias relacionadas