Suspeito é preso em flagrante pela Polícia Militar com ecstasy e cocaína

Um homem de 33 anos foi surpreendido por policiais militares nesta quinta-feira (13) em Rio Preto e preso em flagrante por tráfico de drogas. De acordo com informações do boletim de ocorrência, ele tinha ecstasy e cocaína no carro e também em casa. De acordo com os policiais militares era por volta de 16h, quando estavam em patrulhamento pelo Parque Industrial e viram um homem dirigindo um Uno vermelho, cujas características batiam com a de um suspeito de tentativa homicídio no dia 4 de outubro.

Polícia Da Redação em 14 de outubro, 2022 14h10m

Um homem de 33 anos foi surpreendido por policiais militares nesta quinta-feira (13) em Rio Preto e preso em flagrante por tráfico de drogas. De acordo com informações do boletim de ocorrência, ele tinha ecstasy e cocaína no carro e também em casa.

De acordo com os policiais militares era por volta de 16h, quando estavam em patrulhamento pelo Parque Industrial e viram um homem dirigindo um Uno vermelho, cujas características batiam com a de um suspeito de tentativa homicídio no dia 4 de outubro.

Eles realizaram a abordagem do veículo e na revista foi encontrada com o motorista uma embalagem plástica aparentando ser ‘MD’ ou ‘droga do Hulk’, não sendo possível a identificação em um primeiro momento. O homem tinha ainda um celular e R$ 54 na carteira.

O suspeito foi questionado sobre a tentativa de homicídio semana passada e teria alguma arma em casa. Ele negou a autoria do crime e também que tivesse arma guardada. A equipe o levou até o local e o suspeito autorizou a entrada dos policiais e a busca por material ilícito.

Publicidade

Na residência havia um quarto de fundos abandonado onde foram encontradas mais cinco embalagens plásticas. Na busca dentro da casa, localizaram dentro de um sofá mais duas pedras brutas de cocaína, uma balança de precisão e em outro quarto, mais R$ 800 em dinheiro. O homem afirmou que não havia mais nada ilegal, que os agentes já tinham encontrado tudo.

Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido para a Central de flagrantes, junto com todo o material que foi apreendido. Os exames realizados deram resultado positivo para ecstasy e cocaína. O delegado de plantão confirmou a voz de prisão, sem direito à fiança e o suspeito foi encaminhado até a carceragem da DEIC, onde permanece preso e à disposição da Justiça.

Publicidade

Assuntos:

Comentários

Notícias relacionadas