Mulher apanha de companheiro com rodo de alumínio em Rio Preto

Além de socos e chutes, suspeito agrediu a mulher com um rodo de alumínio neste domingo (18), no Residencial Cidade Alta, em Rio Preto. De acordo com informações do boletim de ocorrência, o suspeito, 34 anos, não aceita o fim do relacionamento e se recusa a sair de casa. Era por volta de 8h30, quando os policiais chegaram ao local e, fizeram contato com a vítima, 41 anos, que aguardava a viatura na rua.

Polícia Da Redação em 19 de dezembro, 2022 10h12m

Além de socos e chutes, suspeito agrediu a mulher com um rodo de alumínio neste domingo (18), no Residencial Cidade Alta, em Rio Preto. De acordo com informações do boletim de ocorrência, o suspeito, 34 anos, não aceita o fim do relacionamento e se recusa a sair de casa.

Era por volta de 8h30, quando os policiais chegaram ao local e, fizeram contato com a vítima, 41 anos, que aguardava a viatura na rua. O companheiro dela estava dentro da casa e a mulher havia sido agredida por ele, que acredita estar sendo traído. Os dois estão em processo de separação, sendo que ela tentou conversar com o homem, mas ele ficou agressivo e passou a lhe desferir tapas, socos e chutes.

Em seguida, apoderou-se de um rodo de alumínio e continuou as agressões, desta vez com o objeto, acertando-lhe as pernas, costas e braços, causando ferimentos. Ela conseguiu correr e pedir a ajuda de vizinhos, que acionaram à polícia. Abordado, o homem admitiu que havia perdido a cabeça por acreditar que estava sendo traído.

Ele foi levado para a Central de Flagrantes, onde o delegado de plantão ratificou a voz de prisão em flagrante (válida por no máximo 24h) e imediatamente a transformou em preventiva (até 90 dias), sem direito à fiança. Após os procedimentos de praxe, o homem permaneceu preso e à disposição da Justiça.

Publicidade

Comentários