Prefeitura de Fernandópolis desenvolve projeto de apoio aos profissionais da Saúde

Saúde Da Redação em 24 de julho, 2020 15h07m
Facebook Twitter Whatsapp

Ação ocorre durante todo período de Pandemia

Médicos, enfermeiros, psicólogos, assistentes sociais,
fisioterapeutas, técnicos e demais profissionais da saúde estão na
‘linha de frente’ no enfrentamento do coronavírus. Esses
trabalhadores se doam para conter o avanço da pandemia que já
infectou um grande número de pessoas por todo o mundo, desta
forma também estão sujeitos a contaminação.

Em Fernandópolis, dos profissionais da área ligados à rede
municipal, 33 pessoas já foram contaminadas com o vírus,
cumpriram quarentena, sendo acompanhados pela equipe de
Saúde e 29 estão recuperados.

Publicidade

ACOMPANHAMENTO
Há mais de quatro meses no enfrentamento o COVID-19,
esse grupo de profissionais precisa lidar com o estresse, a pressão
da rotina e a busca por salvar vidas, acrescido do risco de adoecer
e do distanciamento da família, fatores que podem provocar
severos problemas de saúde mental, gerando problemas como
ansiedade e depressão.

Pensando no bem-estar mental e em oferecer conforto e
apoio emocional e psicológico dos profissionais de saúde, há mais
de três meses a Prefeitura de Fernandópolis desenvolve um projeto
de apoio a esses trabalhadores, que vem trazendo resultados
significativos.

Como primeiro passo, o profissional de Saúde passa por uma
triagem sigilosa e, posteriormente, é encaminhando para um
acompanhamento mais próximo, durante todo período necessário.
“O projeto do todo suporte clínico e emocional aos profissionais que
atuam no combate ao Covid-19. Nossa intenção é acolher, orientar
e ajudar a manter a estabilidade emocional de quem está na ‘linha
de frente’, disse o secretário municipal de Saúde, Ivan Veronesi.

Publicidade
Compartilhe esta notícia:
Facebook Twitter Whatsapp

Comentários